Saltar para: Posts [1], Pesquisa [2]

Marrocos e o destino

A ida do maridão para Marrocos trouxe muitos imprevistos, peripécias, aventura e muitas saudades. É aqui que irei tentar "expulsar" os medos, as tristezas, as alegrias e as saudades.

Marrocos e o destino

A ida do maridão para Marrocos trouxe muitos imprevistos, peripécias, aventura e muitas saudades. É aqui que irei tentar "expulsar" os medos, as tristezas, as alegrias e as saudades.

Sou só eu a pensar que este país se está transformar num país apenas para turistas e gente rica?

Já tinha verificado como o preço das casas tinham aumentado de forma louca e agora tenho-me apercebido que o preço que a restauração (alguma) aplica é para carteiras bem recheadas.

Há uns dias decidimos ir jantar fora para comemorar algo importante(daqui a umas semanas contarei). Com praias lindas (com aguas horrivelmente geladas, diga-se) decidimos ir a uma aqui na zona. Tentamos 2 restaurantes e estavam cheios e com reservas para varias horas.  Conseguimos mesa no 3º. 

A ideia era comer um arroz de marisco, mas perdemos a vontade quando vimos os preços. Acho um exagero pedirem 80 euros. Mais bebidas ficariam uns 100 euros.

Comemos uma açorda que não estava má, mas não valeu o preço que pagámos.

É verdade que há restaurantes muito mais caros, é verdade que nas praias é mais caro, é verdade que nos meses de verão os preços sobem, mas não havia necessidade de meterem tanto a mão ao bolso.

Para a próxima vai um bitoque que me deve cair melhor!

Há pessoas que se admiram de eu optar por ir a banhos a praias longe da minha zona.

É verdade que são bonitas. É verdade que as matas envolvente são lindérrimas e um piquenique ali tem um sabor ainda melhor (se bem que não têm sido limpas e aquilo não está tão bonito), mas como posso ficar por ali quando a agua é tão gelada que me faz encaracolar os dedos dos pés?

Já para não falar no clima. Saio da cidade que fica a cerca de 10 quilómetros com um sol radioso e chego à praia com um nevoeiro cerrado.

Alguns de vós dirão "Deus dá nozes a quem não tem dentes" ao verem estas fotos

SAM_0021.JPG

SAM_3514.JPG

100_4204.JPG

SAM_0035.JPG

20160605_104750.jpg

 

 

 

 

 

 

 

De partida para Portugal daqui a algumas horas e com um misto de sentimentos. As saudades são muitas, da filhota e dos gatos que não vejo há uma semana e depois por mais estranho (porque ainda não fui) que possa parecer as saudades do maridão começam a dar sinais.

Na memoria ficaram os belos momentos que passamos juntos, a descoberta ainda que pouco de uma cidade que me deixava de pé atrás e os sentimentos que ainda ficaram maiores (se é que é possível).

O desejo que poder regressar novamente é grande…