Saltar para: Post [1], Comentar [2], Pesquisa e Arquivos [3]

Marrocos e o destino

A ida do maridão para Marrocos trouxe muitos imprevistos, peripécias, aventura e muitas saudades. É aqui que irei tentar "expulsar" os medos, as tristezas, as alegrias e as saudades.

Marrocos e o destino

A ida do maridão para Marrocos trouxe muitos imprevistos, peripécias, aventura e muitas saudades. É aqui que irei tentar "expulsar" os medos, as tristezas, as alegrias e as saudades.

Lembram-se deste assunto ?

Se naquela altura me deu dor de cabeça, hoje além da dor de cabeça, estou a sentir-me revoltada e desanimada.

Quando abri a carta da autoridade tributária e aduaneira, como quem diz FINANÇAS tive de colocar os óculos para ter a certeza que estava a ver bem.

O Miguel trabalha em Marrocos, paga os impostos lá, vem a Portugal varias vezes por ano ajudar o país com as suas compras e agora pedem-lhe para pagar uma valor exorbitante de impostos? 

Resta-me iniciar o dia com uma ida às finanças munida de carradas de folhas, onde a meu ver prova que não terá de pagar nada.

A esperança é a ultima a morrer não é?

2 comentários

  • Imagem de perfil

    marrocoseodestino 12.08.2016 14:26

    Não alterou, infelizmente.
    Acreditas que fui 2 vezes ao serviço de finanças e telefonei mais 2 vezes para o numero onde podíamos tirar duvidas sobre o IRS e ninguém me informou disso?
    Perguntei varias vezes como evitar dupla tributação, se era obrigado a fazer IRS e nunca me falaram disto.
    Poderá ainda haver hipótese de evitar o pagamento astronómico. Estamos a aguardar alguns documentes e a vinda dele para pedir a alteração.
  • Comentar:

    Mais

    Se preenchido, o e-mail é usado apenas para notificação de respostas.