Saltar para: Post [1], Comentar [2], Pesquisa e Arquivos [3]

Marrocos e o destino

A ida do maridão para Marrocos trouxe muitos imprevistos, peripécias, aventura e muitas saudades. É aqui que irei tentar "expulsar" os medos, as tristezas, as alegrias e as saudades.

Marrocos e o destino

A ida do maridão para Marrocos trouxe muitos imprevistos, peripécias, aventura e muitas saudades. É aqui que irei tentar "expulsar" os medos, as tristezas, as alegrias e as saudades.

Creio que a grande maioria das empresas que não fecham para ferias nesta altura "obriga" os empregados a trabalhar ainda mais, já que muitos empregados tiram ferias em Julho e Agosto. Isto para dizer que tenho andado de rastos e para tentar arranjar um pouco mais de força para conseguir trabalhar até às ferias de Setembro resolvemos ir passar o fim de semana fora.

Foi óptimo (contarei pormenores noutro post), deu para descansar, comer bem e apanhar sol. 

E o que nos apetece fazer quando chegamos a casa?

Nada, apenas ficar esparrameirada no sofá certo?

Era exactamente o tinha planeado, mas a minha gata Maria Pipoca tinha outros planos para mim.

Então não é que anda com o cio e tinha todos os cortinados marcados? Como quem diz, urinados.

Em vez do sofá agarrei-me à maquina de lavar e à esfregona.

Estou de rastos!

 

 

 

 

2 comentários

  • Imagem de perfil

    marrocoseodestino 04.08.2017 21:33

    Sim devia de ter sido castigo. Vingou-se bem.
    Onde trabalho a coisa complica-se por haver falta de pessoal. Vão de ferias e não entra ninguém para substituir.
    Tenho de aguentar e aproveitar os bocadinhos que tenho livre
  • Comentar:

    CorretorEmoji

    Se preenchido, o e-mail é usado apenas para notificação de respostas.