Saltar para: Posts [1], Pesquisa [2]

Marrocos e o destino

A ida do maridão para Marrocos trouxe muitos imprevistos, peripécias, aventura e muitas saudades. É aqui que irei tentar "expulsar" os medos, as tristezas, as alegrias e as saudades.

Marrocos e o destino

A ida do maridão para Marrocos trouxe muitos imprevistos, peripécias, aventura e muitas saudades. É aqui que irei tentar "expulsar" os medos, as tristezas, as alegrias e as saudades.

Ontem recebi um telefonema do senhorio para saber se no inicio do contrato tinha pago 1 mês de caução. Disse-lhe que sim e que se tivesse visto o ultimo recibo de renda teria visto isso mesmo. Disse-me que tinha estado com o meu Contrato na mão e que não fazia referencia disso e que teria de falar com a imobiliária pois aquele contrato não estava bem. Disse-lhe que estivesses bem ou não eu tinha pago um mês adiantado. Pergunta-me então se já sabíamos quando íamos sair (Ah pois tenho novidades, mas ainda não contei porque ainda não é 100% certo. Tudo depende do banco). Respondi-lhe que ainda não sabíamos e logo que soubesse diria. Diz-me " Compreendo, mas com certeza que não me avisará de uma semana para a outra".

Respondo-lhe para estar descansado, mas que de qualquer forma tendo o mês pago adiantado poderia mudar nas calmas.

Diz-me" Pois, mas a D: Joana sabe que por lei me deveria avisar com 90 dias de antecedência. Não será necessário pois nunca tivemos problemas, peço-lhe apenas para me avisar logo que saiba".

Agradeci-lhe e desligamos. 

Passado algum tempo comecei a pensar no telefonema e em como eu tinha sido uma parva. Então o raio do homem é que me mandou a carta para me avisar que não pretendia renovar o contacto e que teria de sair até final de Agosto e segundo ele estava a fazer-me um favor em não me exigir 90 dias para o informar?

Das duas uma ou o homem tem alguém para a alugar já e pagar a renda que pretende e está a pressionar-me ou então esteve a beber e perdeu a noção do disparate que disse.

Tive vontade de lhe telefonar a perguntar se não queria que eu pagasse também uma indemnização por ele próprio me estar a meter fora da casa?

Oh vida!

 O que aqui vou contar dá para rir, mas se juntar esta situação, esta e esta a coisa pode virar um drama.

Tinha as unhas pintadas com um verniz comprado no lidl (vejam como só vou a marcas caras) e já estava a ficar lascado. Foi ao armário onde tenho alguns produtos de beleza e tirei a acetona. Pego no algodão molho no liquido e esfrego. Olho para  unha e vejo-a igual ao que estava antes de a esfregar. Volta o molhar o algodão e volto a esfregar desta vez com mais força. A unha continuava igual e pensei "É pá o verniz é dos bons". Não pensei se seria um problema com a acetona pois já não era  a primeira vez que a utilizava.

Só depois de pegar no frasco é que descobri qual a razão do verniz ficar na unha. Então não é que eu estava a utilizar agua de rosas em vez da acetona?

Cada vez mais vejo o manicómio mais perto.

 

Ler coisas destas "os homens são todos iguais fod.... estava tão bem sozinha tive me meter mal" e passado 3 dias leio na pagina da mesma fulana "juntos nao ha estrela que nao possamos alcançar, nem sonhos que nao possamos realizar.
Pedido de casamento a beira mar" dá-me volta ao estômago de tão agoniada que fico.

Mas as pessoas não pensam antes de falar escrever?

Há necessidade de cada vez que se chateiam vir para o Face dar a conhecer ao mundo? 

 

 

Deixei o telemóvel a carregar e passado algumas horas o dito cujo continua na mesma. Pensei "mau Maria que mais uma coisa que avariou!".

A rogar pragas  retiro o carregador do telemóvel e volto a coloca-lo e nada de sinal de carregamento.  Já capaz de o mandar contra a parede olho para o sitio onde o tenho e vejo dois carregadores (sim aqui a menina faz destas coisas parvas) e pensei "Hum...será que não utilizei os 2 carregadores?

Não é preciso dizer mais nada, pois não?